Funerais No Contexto Covid-19

Agência Funerária Caminho de Luz, no contexto da pandemia da Covid-19, adaptou-se à realidade e cumpriu todos os procedimentos impostos pela DGS, com funerais diferentes do habitual, mas necessários para minimizar a potencial transmissão da doença. Neste momento, como uma mão amiga, nunca esquecemos a dignidade da cerimónia e o profundo pesar das famílias que querem se despedir e homenagear quem parte. 
Fique a conhecer os moldes fornecidos pela DGS. 
  1. Mantêm-se o procedimento do reconhecimento visual do corpo por um familiar próximo, sempre que o houver. 
  2. Para a cerimónia fúnebre/funeral, a urna deve preferencialmente manter-se fechada, mas caso seja esse o desejo da família, e houver condições, pode permitir-se a visualização do corpo, desde que rápida, a pelo menos 1 metro de distância. A visualização do corpo pode também ser conseguida através de urnas com visor. Em qualquer uma das situações, não é permitido tocar no corpo ou na urna. 
  3. Todos os presentes na cerimónia fúnebre devem usar máscaras faciais, desinfetarem as mãos, bem como manter o distanciamento físico de dois metros. 
  4. A sepultura em jazigo pode ser efetuada desde que cumpridas as regras, incluindo o uso de urna adequada, selada. 
  5. Se a causa de morte for COVID não haverá lugar a velório e o serviço fúnebre será direto ao local de cremação ou sepultura. 
Para além disso, informamos que: 
  1. Efetuamos o cortejo fúnebre, no entanto recomendando que os acompanhantes devem-no fazer em veículos pessoais. 
  2. Se a causa de morte não for COVID, o velório deve decorrer no período normal, e não se deve prolongar pela noite. 
  3. Disponibilizamos o obituário , caso a família o permita, com informação simples e útil sobre as datas das ações a decorrer. 
  4. Cumprimos medidas de higiene rigorosas e de desinfeção após cada serviço fúnebre. 

Informação Agência Funerária
Caminho De Luz

Prestamos aos nossos clientes vários serviços de excelência, todos os dias de semana, de forma presencial ou através dos telefones 919 455 017 e 211 911 799, nas zonas de Lisboa, Amadora, Oeiras, Cascais, Odivelas e Loures.

Scroll to Top